Aula Inaugural do Calendario 2017 da UFSCar

A Orquestra Experimental da UFSCar está preparando uma noite especial para comemorar o inicio dos ensaios nesse ano de 2017.

Nossa fundadora Ilza Joly junto com alguns de nossos bolsistas estão preparando uma aula com muitas atividades e dinâmicas musicais.

Além dos músicos que já fazem parte da nossa Orquestra, convidamos a todos interessados em participar do nosso grupo nesse ano a comparecer. Mesmo quem quiser dar só uma espiadinha pra conhecer a orquestra está convidado.

Quando: 13/02/2017 às 19h
Onde: Campus UFSCar São Carlos (Ao lado do Laboratório de Musicalização)

Compareçam todos e vamos começar esse ano com muita música.

Compartilhar:
Share

Novidades do Garoa para Bandas e Artistas

Confira abaixo a relação de serviços que oferecemos:

  • Produção Artística (direcionamento artístico)
  • Produção Executiva (Execução de projetos e eventos)
  • Booking (Agendamento de Shows e Turnês)
  • Administração de redes (facebook, instagram, youtube)
  • management de carreira (planejamento e direcionamento de carreiras artísticas)
Compartilhar:
Share

Jams Jellies preparando seu primeiro disco

O Jams Jellies & Marmalades Band estão na produção do primeiro disco!

O grupo de música instrumental brasileira que toca músicas do mundo é formado por:
Bateria: Arnaldo Duarte
Contrabaixo: Guilherme Picolo
Piano: Pedro Assad
Violino: Fabio dos Santos
Clarinete: Marco Rochael
Trompete: Lucas Joly

Biografia:
Somos um grupo de música instrumental brasileira que toca músicas do mundo. Nosso som é fruto de sementes africanas, européias e asiáticas germinadas em solo brasileiro, em meio a uma cultura globalizada. Ao tocarmos ritmos como mazurcas, maksum, marchar, valsas e bulerías misturadas com maracatus, sambas e baiões, revistamos nossas origens e evidenciamos nossas semelhanças. Colocamos um sotaque brasileiro em tudo que tocamos. Por vezes, nossa música não deixa claro o que estamos tocando: pode ser baião ou tango flamenco, música árabe ou ijexá, valeiras ou talas indianas. Precisamos definir? Somos imigrantes da música fazendo o caminho inverso.

Compartilhar:
Share